Dicas para quem ainda não montou o look de Carnaval

Dicas para quem ainda não montou o look de Carnaval

Apesar do Carnaval já está batendo na porta, muita gente ainda não sabe o que vestir durante os dias de momo. O calor e as grandes aglomerações de pessoas, típicos da folia, pedem por uma preocupação especial na hora de escolher a roupa. Para isso separamos alguns looks com diferentes estilos para você se inspirar.

Pratadacasa (1)

A Pratadacasa, de Andréa Albuquerque, aposta em looks para quem quer brincar com conforto e estilo que as roupas fitness oferecem, além de terem tecidos leves e tecnológicos. São camisas, blusas, regatas, shorts e bermudas de poliamida, sophy, creponato ou vinilizado na composição. Algumas também contam com a proteção UV, com fatores que vão de 50 a 100%, ideais para os brincantes que não dispensam a folia durante o dia. Na Pratadacasa ainda é possível encontrar os chamados tênis fluorescentes. Queridinhos de quem pratica esportes, o calçado complementa os looks coloridos das camisas com frases divertidas, como “Eu Sou a Diva que você quer Copiar”, da cantora Valeska Popozuda. A Gringa aqui mesmo, já adquiriu essa tshirt sensação! Adorei!!!! Fala sério a Prata da Casa arrasa, não é gente?!

 Blu K

A Blu k investe em sugestões confortáveis e atuais. Vestidos fluidos, shortinhos e blusas mais soltinhas estão entre as apostas da grife. Além disso, cores vivas como amarelo, azul, rosa, verde e o tradicional branco se destacam e marcam os looks. “Estas opções são ótimas para o período, pois além de linda a mulher precisa esta confortável e confiante. Além disso, para arrematar as composições, é possível usar rasteirinhas ou tênis, acessórios ideais para proporcionar ainda mais charme às produções de Carnaval”, pontua Keila Benício, estilista à frente da marca.

 370A5038

Já a coleção de Carnaval da Refazenda vem com muitas cores e silhuetas mais sensuais que remetem ao tema psicodélico com um ar sessentinha. Macaquitos, shortinhos e pantalonas são destaques que prometem ir das ruas aos bailes sem nenhuma dificuldade, e para as mais originais podem ser usadas o ano todo. Aliada ao frescor da estação, as peças surgem cheias de transparências e decotes, o mix de tecidos e as composições inusitadas estão com presença marcada no uso de estampas exclusivas em algodão, organzas e sedas. Os acessórios, por sua vez, são um caso à parte: feitos à mão e cheios de bossa. As aparas de tules e tecidos exclusivos têm reuso criativo e se viram em peças para a cabeça, colares e broches, trazendo assim a sustentabilidade tão característica do DNA da marca. “Além de completar um visual, o acessório pode ser a própria fantasia, já que a mulher pode montar uma produção com peças básicas e ainda sim, estar pronta para a festa”, diz Magna Coeli, estilista da marca e foliã de carteirinha.

Rapha

Related Posts