Conjuntinhos voltam às ruas em versões atualizadas

Conjuntinhos voltam às ruas em versões atualizadas

Saiba como usá-los e adiante-se à tendência

Combinar está na moda. As peças coordenadas, que por muito tempo ficaram encostadas no guarda-roupa, voltaram à cena. Presente nas passarelas internacionais de verão, o modismo também se confirmou nos desfiles nacionais da próxima estação. A ideia de usar conjuntinhos é antiga: surgiu por volta do século XII nos trajes de equitação para as mulheres e passou a fazer parte do dia a dia do vestuário no século XIX. De lá para cá, a moda de combinar passou por várias oscilações e ressurgiu em diferentes versões, cores, estampas de impacto, texturas e monocromáticos.

0 1 2

Os conjuntinhos permitem um universo enorme de combinações, mas o fato é que existem alguns truques para deixar o look ainda mais sofisticado, garante a estilista da Blu K, Keila Benício. “A parte de cima e de baixo, para formarem um conjuntinho, precisam ter a mesma cor, o mesmo tecido e/ou a mesma estampa. A tendência deixa o look com uma cara mais formal, porém existem algumas opções de peças que dão aquele ar despojado que a gente tanto adora, como o cropped tees, calças pantalonas, shorts, mini saias e blazers de cortes mais modernos. Além disso, você pode mudar a cara do seu conjuntinho apostando em acessórios”, comenta Keila. A estilista complementa, ainda, que na hora de escolher as peças é necessário prestar atenção na modelagem. “Prefira blazers acinturados e calças retas ou skinny. Se preferir a flare,use com uma blusa ou um blazer mais justinho”, revela. Quem gosta da moda mais exuberante pode investir também em peças metalizadas nas produções noturnas. Outra tendência da estação são os conjuntinhos de moletom, que agora aparecem com detalhes bordados ou estampas diferenciadas, reforçando a moda do esportivo chique.

Rapha

Related Posts